O cara que escreve aqui se chama Francisco Slade. Um cara aí. Se quiser falar com ele, é só clicar no nome. E, sim, Slade é nome mesmo.









Livros publicados

Esse é meu primeiro romance, Domingo.




Também tô na antologia Paralelos:

0




Para ler também

A menina no deserto
Recheio de quê?
Malandro é o gato
Prosa Caotica
Wry
Pariscope Blues
Encefalopsia
Suum cuique
moca
Verborrágica
bináriogeral
ainda ela
Natureza complicada
mundoestranho
Paralelos


Arquivos




This page is powered by Blogger.

















Seu dinheiro de volta!

26.5.03  

Queridos 3,62 leitores, aqui estou em São Paulo. Estou um pouco desnorteado pois, não sei por que diabos, resolvi ir dar uma nadadinha na piscina aqui do prédio onde estou. A temperatura tá por volta dos 15 graus, a piscina fica na sombra: que idéia de jerico!; não nadei nem 300 metros e tive que desistir – ainda que de brio contrariado – pois a cabeça começava a latejar, comprimida pelo frio, e o maxilar trancou-se de tal forma que não sei como vou comer hoje. Agora meu crânio tá todo doendo.

Enfim, como estou sem lhufas pra fazer, vou contar o que vim fazer aqui em São Paulo e, conseqüentemente, por que não tenho o que fazer. Tem um amigo meu que resolveu criar uma grife – roupas conceituais, nada de prêt-à-porter – e suas criações foram escolhidas pra participar de um concurso de `novos talentos da moda´, ou algo que o valha. Há dois meses, esse meu amigo me encomendou a trilha do desfile que se realizará amanhã, em algum ponto da avenida paulista. E aqui estou com as músicas acabadas e aprovadas, pronto pra discotecar na passarela e, contudo, a figura sumiu! Que diabos! Tô aqui sozinho e nem sei o enderço do lugar onde o evento vai acontecer... O celular do cara não funciona aqui e, como ele não me liga,

E ATENÇÃO! Pode parecer piada mas o telefone acaba de tocar e é ele! Como já escrevi, vou postar de qualquer jeito.

Bem, agora vou ter que sair. Mais tarde eu `posto´ direito.



posted by franciscoslade 4:45 PM