O cara que escreve aqui se chama Francisco Slade. Um cara aí. Se quiser falar com ele, é só clicar no nome. E, sim, Slade é nome mesmo.









Livros publicados

Esse é meu primeiro romance, Domingo.




Também tô na antologia Paralelos:

0




Para ler também

A menina no deserto
Recheio de quê?
Malandro é o gato
Prosa Caotica
Wry
Pariscope Blues
Encefalopsia
Suum cuique
moca
Verborrágica
bináriogeral
ainda ela
Natureza complicada
mundoestranho
Paralelos


Arquivos




This page is powered by Blogger.

















Seu dinheiro de volta!

29.9.03  

O BOI



Falei assim: o namorado da minha prima projetou isso aí – e apontei o canteiro da obras. Ah...: foi o que ouvi de volta. Mas o projeto dela ficou em segundo lugar – foi inclusive no concurso que eles se conheceram.

– Sua prima também É arquiteta?

– É.



Que diabos. Por um momento fiquei com medo que ele me perguntasse também, mas não, ele é meu amigo, não tem por que me perguntar isso: já tem uma idéia do que eu sou. Não real, mas ao menos uma imagem que ele construiu e sobre a qual nada mais há a ser perguntado. Às vezes eu gostaria que houvesse; noutras isso me é muito conforme. Confortável. Como nesse dia.



Mas e se alguém chegasse e perguntasse:



– Você É o que?



Que que eu ia dizer?



Porra, não faço a menor.



Isso tem me afligido sobremaneira. Vale "um oco"?



Hoje a professora de francês perguntou algo como "o que você quer ser quando crescer?". Eu sabia que era só pra treinar o tal tempo verbal que ela passava na aula – e eu até me forcei –, mas não consegui responder senão "Não sei". E isso sem graça pra cacete.

Foda é que já cresci e ainda não descobri a resposta pra isso. O que eu sei é que 'astronauta' não vale mais.

'Grande' continua me parecendo a melhor opção, mas isso eu também já sei que não vai dar.



SER é um troço muito complicado. Essa brincadeira de 'sou gente' já tá me dando no saco.

Eu nem descobri ainda o que eu faço pra deixar de me achar ridículo.



E VOCÊ, o que É?



posted by franciscoslade 10:24 PM